24 de maio de 2016

O Ballet na Minha Vida

Hoje resolvi testar um tipo de post diferente. Eu gosto bastante de usar tags como pautas para posts daqui do blog. Mas, hoje, não vou fazer da maneira convencional. Vou fazer diferente. Hoje, vou usar a tag: O ballet na minha vida, originalmente da Amanda Silva do blog Passos de Bailarina, como base para este post. Mas ao invés de colocar todas as perguntas aqui e responder depois, como uma entrevista, vou apenas juntar as respostas de algumas perguntas mais legais e ver no que vai dar. Vai ser legal! Vamos lá!
OBS: Caso queira ver as perguntas da tag, clique aqui para ir pro blog da Amanda.


O BALLET na minha VIDA

Sempre amei dançar. Já tive a minha época de "bailarina rebelde" e meio que abandonar o ballet por outras danças. Mas minha situação hoje é outra. Amo o ballet mais que todas. Pois pra mim, é a mais bela das danças. Todas as danças são bonitas, pois são arte. Mas o ballet, vai além.
O ballet me trouxe disciplina, paixão, persistência e uma vida de sonhos. 
Quando danço, sinto que estou buscando meu sonho. Mais que isso. Buscando meu futuro e minha felicidade. Uma coisa que sempre digo quando a aula do ballet acaba é como a endorfina se torna presente em meu rosto, em meu olhar. O simples fato de fazer o que amo me dá vontade de sorrir. E isso é incrível.
Mas como já disse, não amei o ballet desde sempre. A dança sempre fez parte de mim. Mas o ballet em específico, começou como um gosto. Um gosto que não foi o suficiente para me fazer ama-lo. Mas sim, algo que foi se diluindo e se deixando abalar pela críticas. Algo que me fez desistir do ballet. Depois de ter ganhado o imenso amor que hoje carrego comigo, pelo ballet, não me apresentei ainda. Mas em outubro vou participar de um espetáculo. E sei que a sensação será muito satisfatória.
Ainda não me decidi se quero levar o ballet como minha profissão. Mas, de acordo com o que vem acontecendo, acho que essa decisão rola esse ano (kkk). E pretendo contar tudo pra vocês. 
Nunca apresentei um solo, mas com certeza isso já é uma meta. Um objetivo que já foi traçado e que se Deus quiser será cumprido. 
Meu objetivo no ballet é melhorar cada vez mais. E mostrar através da minha dança que tudo é possível! E que se Deus está conosco, nossos sonhos podem se tornar reais.

Me conte também um pouco de como é o ballet na sua vida aqui nos comentários :)

Minhas Redes sociais
Canal no YouTube – CLIQUE AQUI
Página do Facebook – CLIQUE AQUI
Instagram - @samara.131

COMENTE PELO BLOG!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *